quinta-feira, 1 de maio de 2008

Não me confunda com uma mãe de santo!!

Faz um certo tempo.
Não sei dizer exatamente quanto..
Mas, geralmente quando vou comprar o pãozinho do jantar, ou logo cedo, na corrida pra chegar na universidade é quando a encontro.
Dobro a esquina, olho e lá está ela.. confesso com vergonha que não sei seu nome. Bem, nem ela o meu. Aparentemente e gentilmente, uns 70 e poucos anos evidenciados pela pele enrugada, cabelos brancos e voz embargada.
Cada dia uma conversa gostosa diferente. Tapo a boca e arregalo os ouvidos. Adoro experiências de vida.
Em uma dessas conversas, quase monólogos, fiquei "conhecendo" o marido da doce senhora. Bem, ela nem o chama assim.. prefiro ocultar os adjetivos "carinhosos" pelos quais o conheci.
Não pense que ela é insensível ou grossa. Fiquem certos que ela tem razão. Uns não sei quantos (muitos) anos sendo traída e minha quase vizinha ainda abriga em casa aquele que um dia foi seu homem.
Nem preciso dizer que não faltaram conselhos dados por ela.. "Minha filha, pense primeiro em estudar", "Muito cuidado com o homem que vc vai escolher pra casar".. não que escutar isso tenha sido novidade, mas ouvir tais palavras daqueles olhos lacrimejados com certeza surtiu um efeito incomum.
Muito tempo depois, agora paro e penso.. acho que conheço uma heroína. Repito, não sei seu nome, sua idade. Não importa. Sei que não muito distante existe alguém capaz de se doar e, em nome de alguma coisa, insistir num casamento que de relacionamento não tem mais nada.
Penso muito.. às vezes acho que até mais do que deveria.
Compreendo que anos de convivência não significa conhecimento pleno.
Daí me apego em apenas uma coisa.. o fato de saber que posso pedir e confiar no meu Deus... a pessoa certa está sendo preparada pra mim, e eu pra ela.
Terei brigas, desavenças, momentos difíceis. Mas, muito mais que isso.. um amor capaz de superar cada instante aparentemente insuportável. Sorrisos, afagos e doses certas de sabedoria.
Não sei se vc já encontrou a sua "pessoa certa".. não sei se vc pode dizer que espera no Pai aquele (a) que vai viver com vc..
O que posso dizer é que tirei esse peso das costas. Sim, sou responsável pelos meus atos... mas, tenho quem abra meus olhos.
Nem sei se vc acredita em "pessoa certa". Não posso te dizer quem é a sua. Mas.. conheço quem pode.
Te dou o endereço. Quer?

8 comentários:

Natália Araújo disse...

ain que lindo Dani...
sou tua fã.. vc sabe neh?!
mto bom ler seu texto..
e sem comentários o quanto eh bom depender do Senhor e saber que ele está sempre aqui, disposto a abrir nossos olhos, acalentar o nosso coração.
essa eh minha oração, que Ele esteja no controle sempre..

saudade mto grande.
Te amo muito.. minha irmã!

bjo grandão

Samuel Bezerra Ribeiro disse...

Ficou muito bom o seu texto, muito bom mesmo. Poderia até sair no jornal. :D
Sempre é bom saber que podemos confiar num Deus fiel, que nos surpreende dia após dia com a Sua graça, mesmo sem merecermos.

Bjo e tenha uma ótima semana.

Rogeano Sousa disse...

Ei minina... Gostei muito do texto... Gosto mesmo do jeito como vc escreve, do que vc escreve... Quando vc for escritora, quero ter todos os teus livros...

(Ah, quero o endereço da velhinha)...

Kisses Dani!!!

Nathi Lima disse...

pra variar muito legal!
tu é feera Dani. ;D
Teus textos impreguinam..

te amo, tá ligada né?

xêro.



ps: sim, os textos do Blog são meus, a não ser que eu bote de onde eu tirei entre paranteses, como tá nos primeiros por exemplo.

aaah, publiquei poesia, vê lá se tu gosta. xD

Anderson Bonifácio disse...

itxa que ficou massa Dani...
só que eu não pararia pra escultar um senhor falar não
auhsauhsuahushah
brincadeira!!
;D


Bjo...

Laíza Felix disse...

o amor, esse desafio quando for
o tempo de frio e você
chega até pensar no fim
é só crer
e ter esperança, depender
como uma criança de quem fez
tudo desse jeito, assim

:)

eliasipj disse...

PUXA!!!
Gostei muito da tua forma de escrever. Muito mesmo.
Saba aqueles textos que nós lemos sem sentir o final chegando? Nos sentindo "presos" em cada palavra, frase, colocação?
E uma das coisas mais interessantes, são os conceitos passados por ele!
Meus parabéns!!!
Beijo

Elias disse...

ah Dani... outra coisa que eu axei interessante, é q a maioria das vezes, o pessoal diz logo q "homem não presta, ao invés de dizer "cuidado com qual homem vc vai casar!" São duas coisas bem distintas e pude perceber q foi exatamente essa afirmaçãom e não aquela que foi mostrada no texto e pela agradável senhora!
Meus parabéns novamente ;)
Beijo